segunda-feira, 12 de julho de 2010

doce mar







e eu deitei ali, bem próxima ao mar, tentando te enxergar, nessa ancia de te ver sorrindo novamente pra mim. Procurava em cada embarcação que se aproximava o teu olhar alegre. Em cada sombra longínqua no horizonte procuro a felicidade de ter próximo a mim. Teus lábios junto aos meus não são o mais importante. Quero a tua docilidade, teu amor, ternura e carinho. Ah, o teu sorriso, não me canso de lembrar e falar dele. Um sorriso amoroso, de criança. Que me faz sorrir só de lembrar.
O mar estava tão calmo, tudo era tão monótono. A tarde se estendia, não queria passar por mim, teimava em se arrastava, a demora era grande, do tamanho do oceano que nos separa. A saudade? Bem essa é bem maior que esse oceano, esteja certo disso.
O vento frio vem me dizer que já é hora de voltar pra casa, que por hoje, você não não me dará o ar da graça. E que o único cheiro de Malbec que vou sentir por hoje, é o do vidro que tu me deste. Estufo o peito, puxo todo o ar possível, crio coragem e enxugo as lágrimas que teimam em cair. Pego minhas coisas e dou as costas pro mar e vou seguindo o caminho de casa, rumo ao meu canto, meu quarto, minha cama, meu sapo (com teu cheiro). Dou uma ultima olhada para o horizonte, mas nada encontro. Sem problemas, continuo a te esperar, me controlo e logo estampo um sorriso no rosto e dou um grito, como um desabafo. E sigo meu rumo.
Um dia a menos, eu logo penso. Agora são 25 dias, quem sabe? Mas uma hora eu vou ver no horizonte o brilho do teu olhar. E no cais, eu estarei a te esperar!

E como já li em algum lugar - Minha paciência está sendo testada e não a minha fé. - E como!

da mulher que se sente uma criança ao teu lado, da menina que prefere abraços à beijos, da tua pequena, com amor.

beijos e não desliga ;*


3 comentários:

Nina disse...

Seguindo.

Fiquei maravilhada com seu texto, ele faz com que a pessoa que está lendo se imagine no seu lugar. Por incrível que pareça seu texto lembrou meu ex, o pior é que o sapinho que ele me deu tem o cheiro dele, meu "visseiro" está com um leve cheiro do perfume que ele usava. Lembraças...lembranças que embora nos tenham feito feliz, hoje nos fazem sofrer =( A esperança de ver o principe voltar parece nunca acabar, coração quando ama de verdade é difícil de esquecer, mas se esquece rapidamente não era amor. Pois amor, ele marca, ele machuca .... :/

Beijo Beijo

Poly disse...

ain eu ameiiii *-*
fico Perfeito Camilaa .....
Acho que sei como você se sente....
A espera prossegue,mas com a certeza da volta...
Parabéns pelo lindo texto....
beijinhoss

Camila Milano (: disse...

é bom colocar meus sentimentos pra fora de algum modo, e também é bom saber que de alguma forma outras pessoas se identificam.

beijos e obrigada

Related Posts with Thumbnails
Licença Creative Commons
This obra by Camila Milano is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compatilhamento pela mesma licença 3.0 Unported License.
Based on a work at camilamilano.blogspot.com.